Como a falta de hidratação pode formar pedras nos rins

A litíase urinária, mais comumente chamada de “pedra nos rins” é causada por acúmulos

endurecidos de sal e minerais, muitas vezes feitas de cálcio ou ácido úrico. Elas podem se formar dentro do rim e do trato urinário.


Uma pedra nos rins se forma quando muitos minerais ficam acumulados na urina.


Quando você está mal hidratado, sua urina se torna mais concentrada, com níveis mais altos de certos minerais. Quando os níveis minerais são mais altos, é mais provável que uma pedra nos rins se forme. As pedras são mais comuns em homens, pessoas obesas e diabéticas, mas pode acontecer com qualquer pessoa que não se hidrate corretamente.

As “pedras” variam em tamanho. Algumas são tão pequenas que são naturalmente expelidas sem transtorno, outras podem crescer até alguns centímetros enquanto algumas tomam boa parte do rim e necessitam de intervenção cirúrgica. Os cálculos renais são tipicamente muito dolorosos ao passar pela uretra. Neste caso, você pode precisar de um procedimento para quebrar ou remover as que não passam.

Aqui estão oito sinais e sintomas de que você pode ter pedras nos rins:


1. Dor nas costas, barriga ou lado

A dor causada por pedra nos rins - também conhecido como cólica renal - é um dos tipos mais intensos de dor. Normalmente, a dor começa quando uma pedra se move para dentro do estreito ureter. Isso causa um bloqueio, e a pressão ativa as fibras nervosas que transmitem sinais de dor para o cérebro. A dor varia conforme a movimentação da pedra.

A dor freqüentemente vem e vai em ondas, o que é agravado pelos ureteres que se contraem ao tentar empurrar a pedra para fora. Cada onda pode durar alguns minutos, desaparecer e voltar novamente podendo irradiar-se para a barriga e região da virilha à medida que a pedra se desloca para o seu trato urinário.

Pedras grandes podem ser mais dolorosas do que as pequenas, mas a severidade da dor não se relaciona necessariamente com o tamanho da pedra. Mesmo uma pequena pedra pode ser dolorosa quando se move ou causa um bloqueio.


2. Dor ou ardor durante a micção

Quando chegar ao coração do ureter e da bexiga, você começará a sentir dor ao urinar. Seu médico pode chamar isso de disúria. A dor pode ficar aguda ou causar sensação de queimação. Se você não sabe que tem uma pedra nos rins, pode confundi-la com uma infecção do trato urinário. Às vezes você pode ter uma infecção junto com a pedra.


3. Necessidade urgente de urinar

Precisar ir ao banheiro com mais urgência ou frequência do que o habitual é outro sinal de que a pedra se moveu para a parte inferior do trato urinário. A urgência urinária também pode imitar um sintoma de infecção do trato urinário.


4. Sangue na urina

O sangue na urina é um sintoma comum em pessoas com cálculos do trato urinário. Este

sintoma também é chamado hematúria. O sangue pode ser vermelho, rosa ou marrom. Às vezes, as células do sangue são pequenas demais para serem vistas sem um microscópio (chamado hematúria microscópica), mas seu médico pode testar esse sintoma.


5. Urina malcheirosa ou turva

A urina saudável é clara e não tem um odor forte. A urina turva e com cheiro de ouro pode ser um sinal de infecção nos rins ou em outra parte do trato urinário. A nebulosidade pode ser um sinal de pus na urina. O cheiro pode vir da bactéria que causa infecções do trato urinário e também pode vir da urina, que é mais concentrada do que o normal. De qualquer forma, o médico deverá ser consultado para encontrar a melhor solução. #litiaseurinaria #pedranorim #saudedohomem #urologia #saudedosrins

29 visualizações0 comentário